quinta-feira, 2 de dezembro de 2010

O Lobo em mim



Hoje o Lobo senta-se ao meu lado. O seu olhar perde-se no infinito...perde-se e confunde-se com o meu. Engulo em seco, há muito que aprendi a calar o medo e a aceitar o que me é oferecido ou tirado...são as duas faces de uma mesma moeda que todos carregamos.

O Lobo convida-me a correr com ele...espera meu lobo...ainda não...em breve irei...

2 comentários:

Rodrigo Passos disse...

linda postagem!

Rodrigo Passos disse...
Este comentário foi removido pelo autor.